Bem vindo ao BLOG CAMPESTRE CIDADÃO, Na Defesa de Seus Direitos

Esse blog é uma forma direta de interagir com a sociedade, esclarecendo suas dúvidas e orientando a respeito de seus direitos. É um prazer poder dar minha contribuição como cidadão consciente.

Fernandes Braga

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Khadafi foi morto em Sirte, diz governo de transição da Líbia

O governo do Conselho Nacional de Transição (CNT) da Líbia anunciou nesta quinta-feira (20) que suas forças armadas conquistaram toda a cidade de Sirte, último reduto das tropas aliadas a Muammar Khadafi, e teriam capturado o ex-ditador. Momentos depois da informação inicial de que Khadafi fora capturado vivo e tinha ferimentos nas pernas, autoridades líbias anunciaram que ele teria morrido.

O chefe da Cúpula Militar de Trípoli, Abdel Hakim al-Hasidi, confirmou a morte de Khadafi em entrevista à rede Al Jazeera, do Catar. Simultaneamente, o ministro da Informação do CNT, Mahmoud Shammam, afirmou à rede de TV CNN que "tudo indicava" que Khadafi estava morto. Shammam afirmou que a confirmação oficial seria feita apenas pelo próprio chefe de governo do CNT, Mahmud Jibril. Mais tarde, o porta-voz do CNT, Abdullah Berrassali, disse ao canal britânico Sky News que Khadafi está "absolutamente morto". "Ele levou tiros nas duas pernas e na cabeça", afirmou.

As primeiras informações dão conta que Khadafi pode ter sido capturado vivo e morrido posteriormente, talvez por conta dos ferimentos que sofreu. No ataque contra a cidade de Sirte, nesta quinta, além dos rebeldes participaram tropas aéreas da Organização dos Tratado do Atlântico Norte. A Otan confirmou ter realizado um ataque a um comboio que deixava Sirte, mas disse que não poderia confirmar a captura ou a morte do ex-ditador.

Os rebeldes líbios conseguiram na quarta-feira à tarde controlar a entrada do bairro "Número 2", último reduto das tropas fiéis ao antigo regime, obrigando uma parte deles a fugir e permitindo o cerco aos que resistiam. Nesta quinta-feira, ao amanhecer e após reforçar suas posições, as forças do CNT bombardearam intensamente com artilharia pesada os refúgios de Khadafi e, após horas de combate com saldo de inúmeros mortos e feridos em suas fileiras, os rebeldes anunciaram "a vitória final".

Sirte, a cidade natal de Khadafi, no centro do litoral líbio, estava sob ataque de rebeldes há dois meses. Mustafa Abdel Jalil, presidente do CNT, falou em mais de uma oportunidade que a queda de Sirte abriria a via para o anúncio da libertação total do território líbio. Disse ainda que um mês depois da tomada da cidade, o CNT anunciaria a formação de um governo de transição encarregado de dirigir a Líbia em direção à democracia. 
 
LH e JL

Nenhum comentário:

Postar um comentário