Bem vindo ao BLOG CAMPESTRE CIDADÃO, Na Defesa de Seus Direitos

Esse blog é uma forma direta de interagir com a sociedade, esclarecendo suas dúvidas e orientando a respeito de seus direitos. É um prazer poder dar minha contribuição como cidadão consciente.

Fernandes Braga

sábado, 19 de novembro de 2011

Hermano é apresentado pré-candidato do PMDB à Prefeitura

Foto: César Augusto
Deputado estadual Hermano Morais foi aclamado em evento do partido.
Há quase 20 anos sem disputar a Prefeitura do Natal, o PMDB lançou durante o Encontro Estadual do Partido, nesta sexta-feira (18), no Espaço América, o nome do deputado estadual Hermano Morais para concorrer ao Executivo nas eleições do próximo ano.

O evento, que contou com presença de centenas de lideranças do partido no interior, prefeitos, pré-candidatos e militância, serviu também para revelar as intenções da legenda, que ambiciona ampliar de 45 para, no mínimo, 70 o número de prefeturas sob sua tutela.

“E esse projeto passa por Natal, a quem apresentamos o nome de Hermano”, disse o deputado federal e presidente estadual do partido, Henrique Eduardo Alves.
Foto: César Augusto
"As portas de Brasília serão escancaradas para o futuro prefeito de Natal, Hermano Morais", bradou Henrique Alves.

A estrutura e influência do partido no Planalto foram apresentados como trunfo em benefício da candidatura de Hermano. “As portas de Brasília serão escancaradas para o futuro prefeito de Natal, Hermano Morais”, bradou Alves, que se autoproclamou “futuro presidente da Câmara dos Deputados”.

Ao contrário das reuniões de outras legendas, o evento do PMDB não fez críticas à administração da prefeita Micarla de Sousa (PV), de cuja gestão o partido acaba de desembarcar para lançar o projeto de Hermano.

Aliados de outras legendas compareceram ao encontro, como a governadora Rosalba Ciarlini (DEM) e o presidente da Assembleia Legislativa, Ricardo Motta (PMN). Ambos enalteceram o PMDB, mas se esquivaram de manifestar apoio à pré-candidatura de Hermano Morais.
Foto: César Augusto
Governadora se esquivou de manifestar apoio à pré-candidatura de Hermano Morais.

“Vamos conversar ainda. Minha vinda ao evento foi para prestigiar o meu colega Hermano”, disse Motta. Já a governadora não respondeu diretamente à sugestão do ministro Garibaldi Filho. “Quem sabe ela apoie o nosso candidato...”. A democrata se furtou a comentar a declaração e defendeu a união do grupo que dá sustentação ao governo.

Dois projetos despontam dentro da base aliada. Além de Hermano, o deputado federal Rogério Marinho (PSDB) busca pelos mesmos apoios que o PMDB tem sondado, o DEM principalmente, aliado nacional do PSDB, mas que tende a embarcar no projeto de Hermano.
Foto: César Augusto
"Saiba que eu, como senador, vou percorrer as ruas da cidade para Hermano Morais!", afirmou Garibaldi Alves Filho.

Morais agradeceu a lembrança de seu nome. Não é a primeira vez, na verdade, que ele é “lembrado”. Em 2008, após se preparar para disputar a Prefeitura, ele declinou em razão de o partido sair em defesa da candidatura da petista Fátima Bezerra. Os cardeais do PMDB potiguar parece que não deixarão o episódio se repetir.

“Saiba que eu, como senador, vou percorrer as ruas da cidade para Hermano Morais!”, disse Garibaldi Alves Filho, que emendou com a promessa de que “iria vencer na capital e derrotas os adversários no interior”.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário