Bem vindo ao BLOG CAMPESTRE CIDADÃO, Na Defesa de Seus Direitos

Esse blog é uma forma direta de interagir com a sociedade, esclarecendo suas dúvidas e orientando a respeito de seus direitos. É um prazer poder dar minha contribuição como cidadão consciente.

Fernandes Braga

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

PF deflagra operação de combate ao tráfico de drogas no RN e mais 10 estados

A Polícia Federal deflagra no dia 25/11, a Operação Mahyah, no combate ao tráfico internacional de entorpecentes no Rio Grande do Norte e em mais 10 estados. Segundo a assessoria de imprensa da PF, há um mandado de prisão para ser cumprido em Natal.

As investigações de crimes de tráfico interestadual de drogas e sua associação iniciaram-se em janeiro de 2011 com foco inicial em Porto Esperidião/MT, local onde mora o principal investigado, e em Minas Gerais, onde ele teria seu principal contato.

Ao longo dos 10 últimos meses, 18 pessoas foram presas e apreendidos 230,5 quilos de pasta base de cocaína, R$ 40.000,00 em espécie e diversos automóveis.

Serão cumpridos mandados judiciais em Goiás, Tocantins, Pará, Minas Gerais, São Paulo, Bahia, Maranhão, Alagoas, Rio Grande  do Norte e Piauí. São 49 mandados de prisão preventiva de investigados, e as buscas e apreensões estão distribuídas em 39 localidades distintas.

No Mato Grosso serão cumpridos 28 mandados de prisão e 32 mandados de busca e apreensão, nas cidades de Cáceres, Porto Esperidião ,Cuiabá, Várzea Grande, Barra do Garças, Mirassol D'Oeste, Lambari D'Oeste, Glória D'Oeste, Curvelândia, Araputanga e São José dos Quatro Marcos.

Serão cumpridos, ainda, mandados em Paraíso do Tocantins/TO, Ipatinga/MG, Tarumirim/MG, Belo Horizonte/MG, Luziânia/GO, Caldas Novas/GO, Maceió/AL, São Luiz/MA, Marabá/PA, Teresina/PI, Luiz Eduardo Magalhães/BA, Natal/RN e Jales/SP.

Alguns dos indiciados já se encontram presos  e outros receberão novos mandados de prisão em função das investigações.

Os mandados judiciais foram expedidos pelo Juízo da Comarca de Porto Esperidião/MT.

Os presos serão indiciados pelos crimes de tráfico interestadual de drogas e associação para o tráfico, previstos nos artigos. 33, 35 e 40, V, todos da Lei n.º 11.343/2006 (Lei de Drogas).

A expressão Mahyah tem correspondência em um dialeto siciliano e em árabe. No primeiro, significa máfia, já em árabe quer dizer audacioso.

* Fonte: Site Oficial da Polícia Federal

Nenhum comentário:

Postar um comentário