Bem vindo ao BLOG CAMPESTRE CIDADÃO, Na Defesa de Seus Direitos

Esse blog é uma forma direta de interagir com a sociedade, esclarecendo suas dúvidas e orientando a respeito de seus direitos. É um prazer poder dar minha contribuição como cidadão consciente.

Fernandes Braga

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Marqueteiro de Lula e Dilma fará campanha de Haddad

João Santana, Lula e Dilva
O PT escalou o publicitário João Santana para comandar a campanha do ministro da Educação, Fernando Haddad, na corrida à Prefeitura de São Paulo em 2012.

Ele chefiou a propaganda petista nas vitórias de Lula e Dilma Rousseff nas últimas duas eleições presidenciais.

Na capital paulista, atuou na derrota de Marta Suplicy em 2008, quando foi criticado por produzir uma peça que questionava a vida pessoal do prefeito Gilberto Kassab.

O marqueteiro se reuniu na segunda-feira com Lula, padrinho político de Haddad, e com o presidente do PT, Rui Falcão. A pauta oficial do encontro foi o novo programa de TV do partido, que vai ao ar hoje à noite. A oficiosa, a campanha do ministro.

Santana e Haddad devem voltar a conversar nos próximos dias para estabelecer um cronograma de trabalho. Eles começaram a discutir a campanha em agosto, quando o publicitário aproveitou um encontro sobre o Pronatec, o programa federal de ensino técnico, para abordar o tema.

"Foi uma conversa entre amigos. Ele me perguntou: 'E aí, vai sair mesmo?' Eu disse: 'Vou. E conto contigo na campanha'", relatou o ministro. "O João é um cara ótimo, tem um histórico de belas campanhas. É só ver seu currículo."

Dirigentes do PT querem que Santana assuma a imagem de Haddad já em janeiro, quando ele deve deixar o governo para se dedicar à disputa em tempo integral.

Na primeira reunião do seu conselho político, no sábado passado, petistas reclamaram com o pré-candidato que sua campanha está "amadora" e cobraram pressa na montagem de uma estrutura profissional de comunicação.

Uma queixa frequente é de que o ministro não estaria se preparando adequadamente para participar de atos públicos e encontros com militantes e líderes comunitários.

"Ele chega às agendas de peito aberto, sem preparo prévio e algumas vezes sem saber o que vai ser tratado", observa um cacique petista.

Santana terá o desafio de ajudar o novato Haddad a repetir o desempenho de Dilma, que também era inexperiente em eleições ao se candidatar no ano passado.

Seu maior trunfo na TV deve ser o mesmo: a exploração da imagem de Lula como dublê de cabo eleitoral e fiador de um rosto novo para a maioria do eleitorado.

O publicitário e o presidente do PT não atenderam a reportagem ontem. A sigla planejava anunciar a equipe de Haddad no mês que vem.

Fonte: folha.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário