Bem vindo ao BLOG CAMPESTRE CIDADÃO, Na Defesa de Seus Direitos

Esse blog é uma forma direta de interagir com a sociedade, esclarecendo suas dúvidas e orientando a respeito de seus direitos. É um prazer poder dar minha contribuição como cidadão consciente.

Fernandes Braga

terça-feira, 13 de março de 2012

Paulo Davim rebate matéria de jornal e defende contratações de médico e advogado


O senador Paulo Davim defendeu a permanência em seu gabinete da médica Carla Karini de Andrade Costa e do advogado João Henrique Oliveira Sales, citadas em matéria do jornal O Globo que tratou sobre supostos irregularidades na contratação de funcionários no Senado Federal. Nesta segunda-feira (12), Davim garantiu que os dois têm importância fundamental em seu gabinete.
Rodrigo SenaPaulo Davim defendeu servidores que prestam serviços ao seu gabinetePaulo Davim defendeu servidores que prestam serviços ao seu gabinete
Senador na vaga aberta devido à nomeação de Gabialdi Filho para o Ministério da Previdência, Paulo Davim explicou que as contratações "são absolutamente pertinentes e necessárias". Para a contratação da médica por seu gabinete, Davim explica que "80% dos seus pronunciamentos no Senado Federal, além de proposições de projetos de Lei, versam sobre a temática da saúde", o que faz necessária a consultoria da médica. Sobre a permanência do advogado, ele explicou que o profissional presta assessoria na parte legal das proposições parlamentares.
"Todas nossas medidas estão abrigadas pela Lei. A Constituição diz que o profissional médico pode trabalhar até 60 horas em até dois vínculos públicos. Carla Karini é uma profissional autônoma, não tem vínculo público e, portanto obedece a todos os pré-requisitos legais para o assessoramento parlamentar, pela total disponibilidade e competência", disse Davim. 
Sobre a contratação do advogado, Davim também disse que está amparado pela lei. Segundo o senador, o advogado João Henrique Oliveira Sales, lotado no escritório em Natal, faz MBA em Finanças e Administração Pública na Paraíba, mas apenas dois dias por semana. "A iniciativa de aperfeiçoamento técnico em sua área de atuação também é uma prática absolutamente amparada pela Lei, que permite ao servidor a busca por esse tipo de aprimoramento". 

Fonte:TN

Nenhum comentário:

Postar um comentário