Bem vindo ao BLOG CAMPESTRE CIDADÃO, Na Defesa de Seus Direitos

Esse blog é uma forma direta de interagir com a sociedade, esclarecendo suas dúvidas e orientando a respeito de seus direitos. É um prazer poder dar minha contribuição como cidadão consciente.

Fernandes Braga

terça-feira, 17 de julho de 2012

Ceará-Mirim: suplente que teve um voto assumirá vaga na Câmara Municipal

Um fato inusitado ocorrerá nos próximos dias na Câmara Municipal de Ceará-Mirim. Depois do suplente Francisco das Chagas Barbosa (PMDB), conhecido como "Chico Neguinho", assumir uma vaga no Legislativo após ter recebido somente 49 votos, será a vez da suplente Cláudia Roberta (PP), que teve apenas um voto, ser empossada vereadora. O motivo é a cassação do vereador Renato Coutinho (PR), confirmada nesta terça-feira (17).
Na eleição de 2008, Renato Coutinho teve 1.587 e foi eleito pelo PP. No entanto, no ano passado, o parlamentar trocou de partido sem que a Justiça Eleitoral tivesse concedido a justa causa para a desfiliação. Processado por infidelidade partidária, o Tribunal Regional Eleitoral julgou e condenou o parlamentar à perda do mandato.
No voto, o relator do processo, juiz eleitoral Nilson Cavalcanti, disse que não ficou confirmada a discriminação supostamente sofrida pelo vereador dentro do PP e, por isso, considerou ato de infidelidade partidária a mudança para o PR. Os desembargadores Saraiva Sobrino e Amílcar Maia, além do juiz Ricardo Procópio, acompanharam o voto do relator. Votaram contra a cassação os juiz Nilo ferreira e Jaílson Leandro.
Com a decretação da perda do mandato, o suplente Manoel Vieira dos Santos, conhecido como Nequinho, teria o direito à vaga. Porém, o suplente, que teve 1.335 votos na eleição de 2008, deixou o PP para assumir o PTB. Com isso, quem assume a vaga é a bioquímica Cláudia Roberta (PP), que teve apenas um voto na eleição. Ela é irmã do também vereador Júlio César (PSD).
A data para a posse ainda não está definida. A Câmara Municipal de Ceará-Mirim vai aguardar a comunicação oficial da Justiça Eleitoral para empossar a suplente.
Fonte: TN

Nenhum comentário:

Postar um comentário